Akio esclarece sobre recurso para regularização fundiária

O prefeito de Quarto Centenário, Akio Abe, se reuniu nesta sexta-feira, com um grupo de moradores do município, para anunciar que os recursos que seriam para pagamento de processos de regularização fundiária – R$ 300 mil – foram usados pela administração anterior, para pagamento de fornecedores.

De acordo com Akio, no dia 6 de novembro, seu antecessor chegou a depositar o dinheiro em uma conta bancária na Caixa Econômica Federal, mas os valores foram sacados para pagamento de despesas da prefeitura no dia 28 de dezembro.

O prefeito disse que o esclarecimento se faz necessário, uma vez que mais de duas centenas de famílias aguardam pela regularização de seus imóveis. “Infelizmente não há dinheiro para essa ação. O prefeito, meu antecessor gastou todo o dinheiro”, frisou ele.

Akio lamentou a atitude do antecessor e disse que quem perde com isso é a população, em especial os proprietários de imóveis que contavam com a regularização dos seus terrenos. “Na verdade foi tudo fantasia, pois não deixaram um centavo para esse fim”, disse Akio.

BALANÇO: O prefeito aproveitou a oportunidade para fazer uma espécie de balanço de início de administração. Segundo ele, além de não ficarem recursos em conta livre, a administração anterior deixou restos a pagar que ultrapassam a casa dos R$ 600 mil. “Somando os restos a pagar de 2017 até o fechamento de 2020 a gente tem mais de 600 mil reais de dívida”, destacou.

PROTESTO: Ainda de acordo com Akio, a administração anterior não pagou o aluguel do Pátio de Máquinas e por conta disso a prefeitura foi levada ao protesto. “É muito triste uma situação dessas, lamentável”, comentou.

convênios: Por outro lado, Akio disse que os recursos que ficaram em caixa, são de contas vinculadas, ou seja, é dinheiro de convênio que só pode ser gasto naquilo para o qual foi designado. “Neste caso, justiça seja feita, temos algum recurso sim, mas infelizmente só pode ser gasto na área específica”, finalizou.

PACIÊNCIA: Ao finalizar, o prefeito pediu paciência à população. “A gente pede paciência, pois ainda estamos levantando a situação, tomando pé de cada setor e colocando a casa em ordem”, disse.

Siga nossa página no facebook: facebook.com/gazetagoioere

E nosso Instagram: @gazetagoioere

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe da Gazeta Regional pelo WhatsApp (44) 3522-2537 ou entre em contato pelo (44) 3522-2537.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!