Município plantou mais de 12  mil árvores em três anos e meio

Mais de 12 mil árvores foram plantadas para arborização urbana e recuperação de áreas degradadas nos últimos três anos e meio. Além disso, cerca de seis mil mudas foram cedidas para a população, também para arborização em frente a residências. As informações são da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente (SEAMA).

 

Segundo o secretário Franco Sanches, para terceiros são cedidas até três mudas. As espécies mais solicitadas são canelinha, oiti, ipê, resedá, calistnemo, quaresmeira, grevílea e pata de vaca. Já para recuperação de áreas degradadas as mais utilizadas são araucária, pata de vaca, araçá, angico gurucaia, pau d'alho, pau jacaré, farinha seca e palmito. O plantio em algumas dessas áreas teve a parceria com escolas, com participação dos alunos.

 

Em torno de 20 mil mudas de árvores são produzidas por ano no Horto Municipal, que fica na Vila Guarujá. “Quem tem interesse de adquirir mudas deve ir até a secretaria, próximo a Ciretran, informar as mudas que deseja e retirá-las no horto”, explica o secretário.

 

A SEAMA também recebe pedidos diariamente para remoção de árvores no perímetro urbano em razão de risco de queda ou espécie cujo plantio é proibido no Estado. “Atualmente temos cerca de 3 mil pedidos de cortes”, revela o secretário. Ele lembra que a remoção da árvore obedece critérios técnicos, com prioridade para aquelas que oferecem risco. “Um engenheiro agrônomo faz a vistoria e emite um laudo técnico apontando a condenação ou não da árvore”, explica o secretário.

 

 

Siga nossa página no facebook: facebook.com/gazetagoioere

E nosso Instagram: @gazetagoioere

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe da Gazeta Regional pelo WhatsApp (44) 3522-2537 ou entre em contato pelo (44) 3522-2537.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!