Covid: gestantes com comorbidades devem agendar vacina em Goioerê

Ciente de que a água é o liquido mais importante para a vida e um dos principais insumos para a produção de alimentos, desde o campo até à indústria, a Copacol tem intensificado as ações que buscam eliminar os desperdícios e redução das captações.
Para tanto, a cooperativa implantou, na Indústria de Aves em Cafelândia e na de Peixes em Nova Aurora, os sistemas de tratamento para reuso e redes de distribuição desta água não potável.
De acordo com o Celso Brasil, assessor de Meio Ambiente da cooperativa, diariamente mais de 2 milhões de litros de água são reutilizados. Além disso, a Copacol tem realizado estudos para estender este projeto para a Indústria de Peixes em Toledo.
“Após utilizada no processo produtivo, essa água passa por uma estação de tratamento e depois é utilizada em áreas sem contato direto com os setores de produção de alimentos, em atividades externas e áreas de apoio, como é o caso da sala de máquinas, lavagens dos caminhões e caixas de transporte de aves vivas, entre outros”, explica Celso.
Ainda segundo o assessor, a Copacol também produz água de reuso com sistema de tratamento similar ao aplicado para a produção de água potável, tendo o cuidado de seguir o mesmo rigor no controle de qualidade, independentemente de onde for aplicada.

AGREGANDO SUSTENTABILIDADE: – Outra ação importante ocorre na piscicultura, onde os produtores estão adotando técnicas de manejo dos tanques sob orientação da equipe de assistência técnica e que possibilitam, dentre outros benefícios, uma menor captação de água dos rios e córregos para a renovação da água dos tanques.
“É um manejo inovador e com muitos benefícios, tanto para o produtor, quanto para o meio ambiente, pois o piscicultor precisa somente fazer a reposição diária do nível de água do tanque, dispensando a necessidade de grandes renovações”, diz Celso, citando que este manejo reduz custo de produção quanto ao uso de energia elétrica. “É produzir mais com menos”, acrescentou.

 

Siga nossa página no facebook: facebook.com/gazetagoioere

E nosso Instagram: @gazetagoioere

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe da Gazeta Regional pelo WhatsApp (44) 3522-2537 ou entre em contato pelo (44) 3522-2537.

3 thoughts on “Covid: gestantes com comorbidades devem agendar vacina em Goioerê

  • 16/02/2022 em 23:44
    Permalink

    Together with almost everything that appears to be developing throughout this particular subject material, a significant percentage of opinions tend to be very refreshing. Even so, I appologize, because I can not subscribe to your whole idea, all be it radical none the less. It would seem to everyone that your comments are generally not totally rationalized and in reality you are generally yourself not really thoroughly certain of your argument. In any event I did take pleasure in examining it.

  • 18/02/2022 em 22:44
    Permalink

    Aw, this was a very nice post. In thought I want to put in writing like this additionally ?taking time and actual effort to make an excellent article?however what can I say?I procrastinate alot and under no circumstances seem to get one thing done.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.