Câmara de Vereadores tem uma das maiores renovações da sua história

A Câmara de Vereadores de Goioerê teve, nas eleições do último domingo, uma das maiores renovações de sua história. Das nove cadeiras existentes, sete serão ocupadas por novatos e apenas duas por vereadores que conseguiram se reeleger.

Vale lembrar que dos 9 vereadores atuais, um não tentou novo mandato – Jaime Bueno – e Agilson Flausino disputou o cargo de vice-prefeito, mas foi derrotado com o titular ‘Brito da Saúde’.

SEM COLICAÇÃO: Na opinião da maioria dos vereadores, em especial daqueles que não conseguiram se reeleger, a eleição deste ano foi atípica, sendo a primeira sem coligação proporcional, quando partidos ficaram sem o recurso de juntar seus candidatos em apenas uma chapa.

A mudança na legislação foi implantada para valorizar mais os partidos e acabar com o chamado “Efeito Tiririca”, quando um candidato faz votos além do necessário para garantir uma cadeira, arrastando outros postulantes que tiveram votação menor.

Luci Alvino foi a vereadora mais votada, com 739 votos. Estreante na política, ela teve como bandeira a família. “Quero fazer um trabalho bacana na Câmara, buscando resgatar alguns princípios e valores”, frisa ela.

RETORNO: O ex-vereador e professor de educação física, Kleber Paraíba, está retornando à Câmara Municipal após receber 536 votos no domingo. Ele vai cumprir o quarto mandato no Legislativo, onde já exerceu o cargo de secretário e nunca quis ser presidente.

MAIS ELEITOS: O PP – do vice-prefeito Ernani Leite, garantiu duas cadeiras na Câmara Municipal, a partir de janeiro de 2021. Os eleitos são Márcio Lacerda e Helton Maia, este último já foi vereador em Moreira Sales.

 

 

Siga nossa página no facebook: facebook.com/gazetagoioere

E nosso Instagram: @gazetagoioere

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe da Gazeta Regional pelo WhatsApp (44) 3522-2537 ou entre em contato pelo (44) 3522-2537.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.