Douglas Fabrício trata sobre instalação da Polícia Científica em Campo Mourão

Atuando pela segurança e desenvolvimento de toda a região o deputado estadual Douglas Fabrício recebeu o perito criminal chefe da Unidade da Polícia Científica de Campo Mourão, Henrique Czap Coelho e o chefe adjunto Carlos Bambini, nesta terça-feira, 20, quando trataram sobre o processo de instalação da Polícia Científica em Campo Mourão, setor de segurança da Polícia Civil que atenderá toda a região. O assunto principal foi o projeto de revitalização e adequação da estrutura do antigo DER, localizado na Avenida Jorge Walter onde funcionará a Polícia Científica, IML – Instituto Médico Legal e Instituto de Crimilalística, órgãos unificados pela portaria 018/2020/PCP.

Coelho e Bambini falaram sobre a necessidade do projeto de revitalização da estrutura disponibilizada pelo Governo do Paraná, destacando a importância da Polícia Científica no fortalecimento da segurança pública na região de Campo Mourão. Eles explicaram que a instalação e unificação de órgãos de segurança em Campo Mourão representa a autonomia com a intensidade e agilidade dos trabalhos.

Douglas Fabrício que desde a iniciativa declarou apoio e até mesmo esteve conversando sobre a criação da Polícia Científica nos órgãos responsáveis do Governo do Paraná, avaliou o processo como o fortalecimento da Polícia Civil, melhorando e intensificando a segurança pública em toda a região. Ele apresentará o projeto de revitalização e adequação da estrutura junto ao Governo do Paraná. “Com a Polícia Científica em Campo Mourão, conquistamos o fortalecimento da segurança pública em toda a região”, declarou Douglas Fabrício, lembrando das ações constantes pela segurança pública de toda a região.

Polícia Científica – A Unidade de Campo Mourão passará a ser responsável pelo atendimento de perícias criminais e médico-legais em 31 municípios da região Centro-oeste do Paraná, proporcionando atendimento ininterrupto a uma população de 455.850 habitantes em uma área total de aproximadamente 17.500 quilômetros quadrados, correspondendo a 13 Comarcas Judiciais, sendo elas: Campo Mourão, Cianorte, Pitanga, Ubiratã, Terra Boa, Engenheiro Beltrão, Campina da Lagoa, Peabiru, Manoel Ribas, Mamborê, Barbosa Ferraz, São João do Ivaí e Iretama.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.