Betinho anuncia o maior programa habitacional da história de Goioerê

O prefeito de Goioerê, Betinho Lima, anunciou nesta sexta-feira, o maior programa habitacional da história do município, com a construção de 504 casas populares. As moradias, segundo ele, serão construídas através de parceria da Prefeitura com o Governo do Estado, por intermédio do programa Casa Fácil.
Na terça-feira, o prefeito esteve na capital do estado, onde participou do lançamento do programa e também recebeu a boa notícia de que o município estaria contemplado. “Estamos muito felizes e queremos agradecer ao governador Ratinho Júnior por ter sido sensível a mais uma demanda de nossa cidade”, disse Betinho.
O prefeito explica que as casas a serem construídas em Goioerê vão atender famílias com renda de até três salários mínimos. Cada família selecionada terá R$ 15 mil para custear o valor de entrada do financiamento. “Sem dúvida será o maior programa habitacional que nossa cidade já viu”, destaca o prefeito.
Betinho cita que a maioria das famílias com essa faixa de renda não dispõe de recursos próprios para arcar com o valor de entrada dos financiamentos imobiliários do governo federal. “Esse problema está resolvido. O governo do Paraná, em parceria com a Prefeitura, vai assegurar esse valor”, citou.
Os interessados nas casas poderão pleitear o subsídio a partir da inscrição no cadastro de pretendentes da Cohapar, disponível gratuitamente e de forma online no site www.cohapar.pr.go.br/cadastro.
Os pretendentes deverão preencher uma ficha de inscrição familiar, informando dados financeiros, sociais e de composição familiar, além de indicar o município de Goioerê.
TERRENO: – Para a construção das 504 casas, o prefeito Betinho anunciou um terreno próximo do Parque de Exposições, na entrada de Goioerê. “Vamos construir ali, onde faremos um bairro planejado, com UBS, área de lazer e outros benefícios”, citou.
De acordo com ele, as casas serão de 48 metros quadrados, dotadas de sala, cozinha, quartos e banheiro. “Será um bairro modelo, com ruas pavimentadas e iluminação de LED”, destacou.

EMPREGOS: – O prefeito lembrou que a construção das casas vai proporcionar a geração de cerca de mil empregos diretos. “Serão muitos pedreiros, serventes e ajudantes trabalhando nessa obra. Estamos prevendo cerca de mil trabalhadores”, citou.
Ainda de acordo com Betinho, as obras deverão ser iniciadas em janeiro do ano que vem. “O projeto já está pronto, mas ainda faltam alguns passos. Em janeiro de 2022 a gente começa”, finalizou.

Siga nossa página no facebook: facebook.com/gazetagoioere

E nosso Instagram: @gazetagoioere

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe da Gazeta Regional pelo WhatsApp (44) 3522-2537 ou entre em contato pelo (44) 3522-2537.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.