Quatro jovens desaparecem e intriga população de cidade no Paraná

Moradores do município de Wenceslau Braz, no Norte Pioneiro, estão intrigado com uma série de desaparecimentos de jovens. Nos últimos sete meses, quatro rapazes sumiram sem deixar sinais e as características semelhantes dos casos têm deixado a situação ainda mais misteriosa.

CLIQUE E RECEBA AS NOTÍCIAS DE GOIOERÊ E REGIÃO NO WHATSAAP

O primeiro caso foi registrado em julho do ano passado quando Jefferson dos Santos, na época com 30 anos, despareceu sem deixar vestígios. “Uma pessoa que estava com ele nos disse que eles estavam perto do bar do ‘Pirulito’ quando um Gol branco com três pessoas parou e fizeram ele entrar. Depois disso, não tivemos mais notícias”, contou a irmã do rapaz que preferiu não se identificar. Ainda de acordo com a familiar, Jefferson tinha problemas com álcool, drogas e dívidas.

SIGA- NOS NO INSTAGRAM
O segundo caso aconteceu há cerca de 30 dias. Alessandro Fabiano, na época com 41 anos, também desapareceu. Chama a atenção das autoridades que o caso em as mesmas caracteristicas do primeiro.
O terceiro rapaz a desaparecer de forma misteriosa foi Lucas Teixeira, de 24 anos. O pai do jovem falou à Folha Extra sobre os últimos momentos com o filho antes dele desaparecer. “No sábado ele estava aqui em casa junto comigo e com minha esposa. A tarde nós terminamos os serviços por volta das 17h00 e ele foi para casa dele. Mais tarde ele voltou aqui em casa para jantar, como era de costume fazer as refeições junto com a gente. Conversamos até por volta das 22h00 e combinamos de no outro dia ele vir ajudar com alguns serviços que eram coisa pouca e ele confirmou que vinha. Depois disso, ele foi para casa dele e no dia seguinte não foi mais visto”, contou
Outro jovem que também desapareceu de forma misteriosa é Wedilan Cascais, de 26 anos. “Ele estava comigo minutos antes de desaparecer. A última vez que vi ele, repassei um valor em dinheiro e não nos falamos mais. O que me passaram é que ele embarcou em um caminhão Mercedes 1113 de cor branca em direção a Siqueira Campos para fazer um serviço. Estava com uma camiseta da Metal Leve, calça jeans e coturno”, contou. (Informações e fotos: Folha Extra)