Moradores cobram asfalto, mas obras dependem de empréstimo

Moradores do Conjunto Águas Claras, bem como do distrito de Jaracatiá e Jardim Universitário, estão cobrando da administração municipal, a prometida pavimentação asfáltica de suas ruas.  A promessa foi feita pela gestão atual, na expectativa de viabilizar um empréstimo de R$ 10 milhões junto à Caixa Econômica Federal.

No entanto, o empréstimo, que chegou a ter o contratado assinado pelo prefeito Pedro Coelho, ainda não foi liberado. Entre os motivos, segundo informações da própria prefeitura, foi a análise demorada dos documentos por parte da instituição financeira e ainda por estarmos em um ano eleitoral.

A reportagem falou com o secretário de Administração, Aírton Gonçalves, que afirmou que a STN já aprovou o empréstimo pleiteado pelo município. “Já recebemos o aval da STN, mas por estarmos em ano eleitoral, enfrentamos essa dificuldade na liberação do empréstimo”, disse.

PROJETO: – Pelo projeto, inclusive aprovado pela Câmara Municipal, além de obras de pavimentação, os recursos serão aplicados na implantação de galerias pluviais, construção de ciclovias e também na duplicação de parte da Avenida Santos Dumont. A intenção da prefeitura, é melhorar o fluxo de veículos naquela via.

BAIRROS BENEFICIADOS: – De acordo com o prefeito Pedro Coelho, os recursos, se liberados, serão usados em obras de pavimentação asfáltica no distrito de Jaracatiá, Jardim Universitário e Conjunto Águas.

 

 

Siga nossa página no facebook: facebook.com/gazetagoioere

E nosso Instagram: @gazetagoioere

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe da Gazeta Regional pelo WhatsApp (44) 3522-2537 ou entre em contato pelo (44) 3522-2537.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.