Ministério Público recomenda medidas de reforço para combater a dengue na Comarca de Goioerê

O Ministério Público do Paraná, expediu na última sexta-feira, recomendação administrativa aos municípios de Goioerê, Moreira Sales, Quarto Centenário e Rancho Alegre D’Oeste para que intensifiquem as medidas de combate à dengue.

A medida administrativa, assinada pela 2ª Promotoria de Justiça de Goioerê, foi motivada pelo aumento de casos da doença na região, bem como por informações dos últimos relatórios da Regional de Saúde que apontaram falhas nas medidas de prevenção até então adotadas pelas gestões dos municípios da comarca.

De acordo com dados da própria prefeitura, em Goioerê 500 casos suspeitos da doença foram registrados no último mês de janeiro, sendo 140 confirmados. Uma das providências recomendadas é realização do Levantamento Rápido de Índice de Infestação (LIRA).

O documento orienta ainda que sejam realizadas campanhas educativas e de orientação à população acerca das medidas preventivas e de cuidados que podem ser adotadas, além da realização de visitas em imóveis públicos e privados para a eliminação do mosquito e de seus criadouros, incluindo a possibilidade de ingresso forçado no caso de recusa do proprietário em permitir a fiscalização.

O Ministério Público também requisitou que os municípios da comarca de Goioerê prestem informações sobre a estruturação do quadro de agentes comunitários de combate a endemias, bem como indiquem as medidas adotadas em caso de deficiência do quadro de servidores nessa função.

GOIOERÊ: – Em Goioerê, a Prefeitura está recebendo inscrições para o PSS – Processo Seletivo Simplificado – para a contratação de agentes que atuarão no combate à dengue. No total são 17 vagas, além de formação de cadastro reserva.

Os profissionais selecionados serão contratados para uma jornada de trabalho de 40 horas semanais, recebendo uma remuneração mensal de R$ 2.824,00. As inscrições segue até esta quarta-feira, dia 7 de março.