Prefeitura demite cerca de 60 servidores da educação

A prefeitura de Goioerê demitiu cerca de 60 servidores que atuavam como estagiários na Secretaria de Educação. A informação foi confirmada na tarde de ontem, mas de acordo com o secretário de Administração, Aírton Gonçálves, não se trata de demissão e sim suspensão.

De acordo com o secretário, a decisão foi tomada, em especial no caso da educação, pelo fato de que atualmente não está havendo atividades. “Além disso, temos a questão do índice da folha que está alto”, disse.

O secretário afirma que assim que as aulas escolares forem retomadas estes servidores serão recontratados. “Eles precisam entender que não tem como justificar o porque de estar pagando salário para quem está parado”, frisou.

SERVIDORES: A demissão dos servidores gerou revolta entre os estagiários, que alegam ter sido pegos de surpresa, principalmente nesse momento de dificuldades que o país atravessa.

Muitos dos servidores reclamam que têm compromissos a serem honrados com o salário que recebiam mensalmente e que agora não sabem o que vão fazer.

VEREADORES PREOCUPADOS: – A notícia da demissão dos estagiários também repercutiu negativamente entre os vereadores de Goioerê.

O vereador ‘Joaquim da Ambulância’, que também é servidor, disse que vê a decisão com muito temor e cautela. “Eu fico preocupado com essa decisão. Estamos vivendo dias difíceis e temos que ser solidários, buscando ajudar uns aos outros e não demitir servidores”, disse.

O vereador Agilson Flausino disse descordar da decisão, que na opinião dele foi intempestiva. ““Pelo menos podia ter avisado antes e ter dado um prazo para que essas pessoas se organizassem”, frisou ele.

Agilson disse ainda, não acreditar que o índice da folha esteja alto como estão dizendo. “Acredito que não é essa a justificativa. Acho que já estão com dificuldades de caixa mesmo”, frisou.

 

Siga nossa página no facebook: facebook.com/gazetagoioere

E nosso Instagram: @gazetagoioere

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe da Gazeta Regional pelo WhatsApp (44) 99900-1503 ou entre em contato pelo (44) 3522-2537.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!