Polícia apreende comprimidos abortivos enviados pelos Correios em Mariluz

Uma mulher, moradora de Mariluz, foi encaminhada para a delegacia de Polícia Civil, após ser flagrada com medicamentos abortivos.

A apreensão dos medicamentos foi feita pelas equipes da Polícia Civil de Cruzeiro do Oeste, que foram até a agência dos Correios da cidade.

A moradora recebeu o medicamento Cytotec, que tem venda proibida no território nacional e é usado para interrupção de gravidez.

Ela não revelou qual seria a destinação do medicamento e foi encaminhada para a 17ª Delegacia Regional de Cruzeiro do Oeste. (Informações e foto: O Bemdito).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.