Liberado uso de cloroquina para todos pacientes com coronavírus

O governo federal, através do Ministério da Saúde, anunciou nesta quarta-feira, o novo protocolo de uso do medicamento cloroquina e passa a orientar a prescrição da substância desde o primeiro dia de sintoma da doença.

A orientação do ministério é pela prescrição de cloroquina ou sulfato de hidroxicloroquina, ambas combinadas com azitromicina, mesmo para casos leves. As doses dos medicamentos se alteram conforme o quadro de saúde.

De acordo com o documento, assinado pelo ministro interino da saúde, o general Eduardo Pazuello, cabe ao médico prescrever e que o paciente deve assinar um termo de “Ciência e Consentimento” sobre o uso da droga.

Na manhã desta quarta-feira, o presidente Jair Bolsonaro afirmou pelas redes sociais que o novo protocolo da cloroquina é uma “esperança” e lamentou as mortes pela covid-19. “Dias difíceis. Lamentamos os que nos deixaram. Hoje teremos novo protocolo sobre a cloroquina pelo Ministério da Saúde. Uma esperança, como relatado por muitos que a usaram. Que Deus abençoe o nosso Brasil”, escreveu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.