Local

Período de chuvas e calor intenso traz risco da dengue

Com a proximidade do verão e a volta da época de chuvas, o risco de contágio da dengue retorna a Goioerê.Transmitida principalmente pela picada do mosquito Aedes aegypti, a doença pode levar até à morte.

Apesar de não terem aparecido novos casos em Goioerê, a dengue não deixa de ser uma doença preocupante e a orientação da Secretaria de Saúde, é para que a população siga com todos os cuidados de prevenção.

De acordo com a enfermeira Lilian Ohara, a maneira mais eficaz de se prevenir a doença é impedir o ciclo de reprodução do mosquito transmissor. “Uma das estratégias é não deixar água parada”, explica ela.

Ainda segundo a enfermeira, muitos materiais podem se tornar propícios para o desenvolvimento das larvas do mosquito, como pneus velhos, caixas d’água, garrafas, calhas entupidas, vasos de flor e também recipientes jogados em lixo descoberto.

SINTOMAS: - Os sintomas da doença são febre alta, dores musculares e articulares, dores nas costas, abdômen e também nos ossos.

A saúde orienta que em casos de sentir esses sintomas a pessoa devem procurar uma Unidade de Saúde com urgência.