Copacol antecipa R$ 162 milhões em sobras e complementações

A força da cooperação resulta em benefícios para os cooperados que estiveram unidos em mais um ano por meio das atividades da Copacol, que acaba de anunciar o montante distribuído em sobras, complementações e juros capital.

CLIQUE E RECEBA AS NOTÍCIAS DE GOIOERÊ E REGIÃO NO WHATSAAP

Em reunião conjunta nesta terça-feira, a Cooperativa Agroindustrial Consolata decidiu antecipar R$ 162 milhões para os oito mil produtores integrados no Oeste e no Sudoeste do Paraná. Serão R$ 90 milhões repassados a partir de quinta-feira e o restante após a AGO (Assembleia Geral Ordinária), no dia 2 de fevereiro.

Para o diretor-presidente da Copacol, Valter Pitol, o setor como um todo teve bom desempenho a campo, seja na agricultura ou nas integrações, no entanto, os desafios econômicos no mercado impactaram nos resultados, exigindo ações para garantir competitividade. “Com grande influência em nossos resultados, a avicultura passou por um ano difícil. O mercado interno enfrentou alto abastecimento do produto, dividindo espaço com outras proteínas animais. Mesmo assim, com medidas seguras em anos anteriores, vamos conseguir repassar complementações para os nossos avicultores”.

SIGA- NOS NO INSTAGRAM

As contas da Cooperativa só serão fechadas em janeiro do ano que vem, no entanto, há expectativa de crescimento no faturamento. As sobras e complementações de 2023 tiveram um aumento de 5% em comparação com o exercício anterior. “A diversificação tornou nosso negócio equilibrado, pois mesmo diante de um complexo em determinada atividade, conseguimos manter a ascensão dos resultados. Além disso, a Cooperativa tem um planejamento seguro dos investimentos, proporcionando um crescimento ordenado. Esse posicionamento reflete na condição ao cooperado, que se beneficia anualmente desse momento tradicional em nossa história”, destaca Pitol.

SOBRAS, COMPLEMENTAÇÕES E JUROS CAPITAL: – Os cooperados receberão R$ 3 por saca de soja fixada na Cooperativa; R$ 1,20 por saca de milho/trigo; 4% sobre a participação na retirada de insumos; 3% sobre a participação em supermercado e rações; R$ 15 por saca de café; 0,10 centavos por litro de leite; R$ 4,12 por leitão e R$ 37,10 por suíno. O pagamento desses valores será dividido em duas parcelas, 50% na quinta-feira e o restante após a AGO.

Em complementação, a Cooperativa vai repassar a partir de quinta-feira 0,60 centavos por ave, 0,0174 centavos por ovo, 0,26 centavos por quilo de peixe e 0,0185 centavos por juvenil entregues. Após a AGO, a previsão é pagar 0,14 centavos por quilo de peixe e 0,0100 centavos por juvenil.