• segunda, 15 de outubro de 2018
  • Versão Impressa
  • Fale Conosco
  • 25º C

    Goioerê, 15 de outubro de 2018

    Hoje

    25º C Encoberto

    26º C 19º C

    Esta semana

    27º C 19º C
    28º C 20º C
    27º C 21º C
    27º C 21º C
Política

Em 40 dias, Estado confirma R$ 235 milhões para as cidades

(Foto: Ricardo Almeida/ANPr)

A governadora Cida Borghetti participou nesta terça-feira (15) da reunião da Associação dos Municípios da Região Metropolitana de Curitiba (Assomec) e destacou o balanço do atendimento às prefeituras desde que iniciou a gestão, há pouco menos de 40 dias. Foram autorizados R$ 235 milhões para mais de 200 municípios, por meio de cerca de 300 convênios.

A determinação, afirmou a governadora, é que o Estado trabalhe junto com os prefeitos para agilizar os projetos e atender as demandas da população. “Somos um governo municipalista, estamos todos do mesmo lado com o objetivo de trabalhar para as pessoas”, disse ela no encontro, realizado no auditório da Polícia Rodoviária Federal, em Curitiba.

Os recursos repassados às prefeituras se destinam a projetos apresentados pelas prefeituras, principalmente para obras de melhoria da infraestrutura urbana e para modernização do parque de máquinas.

Metropolitanas

 A governadora disse que, como deputada estadual, foi autora de estudos para a criação das Regiões Metropolitanas. “Fiz isso porque sei da importância do trabalho em conjunto e a importância da parceria com o Estado para levar os serviços do governo”, afirmou.

“Com essa integração quem ganha é a população”, afirmou o presidente da Assomec e prefeito de Fazenda Rio Grande, Márcio Wozniack. “A relação com o Governo do Estado sido muito boa, com portas abertas aos prefeitos para ouvir as demandas e pensar soluções”, disse ele.

A Assomec representa 29 municípios, onde vivem mais de onde vivem cerca de 4 milhões de habitantes. Durante a reunião, os prefeitos discutiram ações e projetos de interesse da região e alinharam as pautas que serão levadas à Marcha dos Prefeitos, em Brasília. Também falaram sobre a importância dos consórcios intermunicipais. “Somos municípios com problemas comuns, por isso, temos que discutir e buscar soluções”, disse Márcio Wozniack

Integração 

Para o vice-prefeito de Curitiba, Eduardo Pimentel, a presença da governadora na reunião reforça o compromisso do Estado com a Região Metropolitana. Ele citou obras importantes como as ligações metropolitanas, as obras da Linha Verde Norte e Sul e da Rodovia da Uva, que é uma importante ligação da região norte da cidade. “Temos o entendimento de que Curitiba é uma só, seja no transporte coletivo, no atendimento a saúde, na educação e, principalmente, na infraestrutura, que atende não só a capital mas também a Região Metropolitana”, disse ele.

Reuniões como essa, disse o prefeito de Campo Magro, Cláudio Casagrande, permitem transmitir de uma forma mais rápida ao Governo do Paraná as necessidades de cada município. Na semana passada, por exemplo, o Estado liberou R$ 5 milhões para a construção do primeiro binário do seu município, que vai regulamentar o trânsito numa região onde se encontra cerca de 45% da população da cidade. “Percebemos que realmente o Governo do Estado está participando junto com os prefeitos na busca de soluções para resolver com agilidade os problemas do Paraná”, afirmou.

De acordo com o presidente da Associação dos Municípios do Paraná (AMP) e prefeito de Coronel Vivida, Frank Schiavini, a união entre os municípios e o Governo do Estado fortalece as entidades na busca de melhorias e qualidade de vida à população. “Quando brigamos pelos mesmos objetivos conseguimos ganhar mais força e, assim avançar no desenvolvimento dos municípios como um todo. A governadora tem se mostrado municipalista e aberta ao diálogo, o que é muito importante para chegar a um consenso e discutir propostas em benefício da população”, disse.

Presenças 

Participaram da reunião o presidente da Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec), Louvanir Menegusso; o representante da Confederação Nacional dos Municípios (CNN), Joarez Herinchs; o superintendente da Polícia Rodoviária Federal do Paraná, Adriano Furtado; a ex-governadora Emília Belinati; o deputado federal Alex Canziani, o ex-presidente do Consórcio Público Intermunicipal de Inovação e Desenvolvimento do Estado do Paraná (Cindepar), Arquimedes Ziroldo, prefeitos da Região Metropolitana de Curitiba; vereadores e lideranças.